Fator de Reflectância Bidirecional de imagens adquiridas por câmara digital para calibração radiométrica de sensores

  • Gabriela Takahashi Miyoshi
  • Nilton Nobuhiro Imai
  • Antonio Maria Garcia Tommaselli
Palabras clave: Alvo lambertiano, Geometria de visada, Nível digital. (es_ES)

Resumen (es_ES)

Para que haja uma única transformação entre os números digitais registrados por uma câmara digital e a radiância dos alvos imageados, é necessário que o sensor da câmara tenha sido submetido à uma calibração radiométrica relativa. Logo, é necessário conhecer qual a área deste sensor que possui resposta uniforme à radiação incidente. Este trabalho tem como objetivo a verificação da homogeneidade entre quatro áreas amostrais, de 100 pixels cada, da câmara Sony DSC-R1. Foram adquiridas imagens de uma placa Spectralon em quatro geometrias distintas em condições de radiação eletromagnética difusa, em campo com céu encoberto por nuvens e sem incidência direta de radiação solar. A geometria de aquisição que apresentou resultados mais promissores foi aquela na qual o sensor está inclinado 45o no plano vertical posicionado à nordeste da placa Spectralon. A área homogênea foi validada por meio de uma nova aquisição de imagens, utilizando esta melhor geometria de visada, de alvos coloridos, onde o desvio padrão dos valores de ND registrados representou 0,39% do total de 256 níveis digitais possíveis de serem registrados pela câmara. 

Descargas

La descarga de datos todavía no está disponible.
Cómo citar
Takahashi Miyoshi, G., Nobuhiro Imai, N., & Garcia Tommaselli, A. (2017). Fator de Reflectância Bidirecional de imagens adquiridas por câmara digital para calibração radiométrica de sensores. UD Y La Geomática, (12), 13-21. Recuperado a partir de https://revistas.udistrital.edu.co/ojs/index.php/UDGeo/article/view/7966
Publicado: 2017-12-31
Sección
Artículo de investigación científica y tecnológica