Resultados da implementação de detectores de bordas no software CARTOMORPH

  • Erivaldo Antônio da Silva
  • Amanda Fructuozo Dos Santos
  • Carolina Dias Chaves
Palabras clave: Detector de Borda, Morfologia Matemática, PDI, Sensoriamento Remoto. (es_ES)

Resumen (es_ES)

A utilização da Morfologia Matemática na área de Processamento Digital de Imagem é apresentada como uma abordagem não linear de análise de estruturas espaciais resultando, na maioria das vezes em resultados melhores que os obtidos com a abordagem linear para extração de estruturas geométrica de objetos. Na FCT/UNESP está sendo desenvolvido o software de domínio público, CARTOMORPH, em que foram implementados detectores de bordas morfológicos e convencionais. O operador Gblur foi implementado no software utilizando detectores morfológicos, já os operadores Sobel e Prewitt foram implementados na forma convencional, utilizando filtros espaciais como base em suas aplicações. De acordo com a análise dos resultados obtidos depois da aplicação dos detectores de borda, foi concluído que o detector Gblur possuiu o melhor resultado, confirmando a hipótese inicial de que operadores não lineares são mais adequados em relação aos operadores lineares.

Descargas

La descarga de datos todavía no está disponible.

Referencias

GONZALEZ, R. C. (2010); Processamento Digital de Ima-gens.; tradução: YAMAGAMI, C.; PIAMONTE, L. São Paulo: Pearson, 2010.

MATURANA, S. P.; Algoritmos de Detecção de Bordas Implementados em FPGA. 2010. Dissertação–Univer-sidade Estadual Paulista, Faculdade de Engenharia de Ilha Solteira.

MELLO, C. A.; Segmentação-DetecçãodeBordas, nota de aula Aula 5. UFPE.

SDC MORFHOLOGY “TOOLBOX” FOR MATLAB 5, SDC “Information Systems”, User’s Guide, April 24, 2000.

SOILLE, P. Morphological image analysis: principles and applications. Springer-Verlag Berlin Heidelberg, 1999.

Cómo citar
da Silva, E. A., Fructuozo Dos Santos, A., & Dias Chaves, C. (2017). Resultados da implementação de detectores de bordas no software CARTOMORPH. UD Y La geomática, (10), 45-42. https://doi.org/10.14483/23448407.7927
Publicado: 2017-04-17
Sección
Artículo de investigación científica y tecnológica

Artículos más leídos del mismo autor/a