DOI:

https://doi.org/10.14483/23464712.18788

Publicado:

2022-12-23

Número:

Vol. 18 Núm. 1 (2023): Enero-Abril

Sección:

ARTÍCULOS

Epistemologia de Paulo Freire e Edgar Morin como suporte para construção de uma proposta CTSA

Epistemology of Paulo Freire and Edgar Morin as a support for the construction of a STSE proposal

Epistemología de Paulo Freire y Edgar Morin como apoyo a la construcción de una propuesta CTSA

Autores/as

  • Severina Coelho da Silva Cantanhede Universidade Federal do Maranhão - UFMA/Campus Codó
  • Ivanise Maria Rizzatti Faculdades Cathedral de Ensino Superior, FACES, Brasil.
  • Leonardo Baltazar Cantanhede Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão - IFMA/Campus Codó https://orcid.org/0000-0002-9532-5566

Palabras clave:

Paulo Freire, Edgar Morin, STSE, Chemistry Teaching (en).

Palabras clave:

Paulo Freire, Edgar Morin, CTS-A, Enseñanza de la Química (es).

Palabras clave:

Paulo Freire, Edgar Morin, CTSA, Ensino da Química (pt).

Descargas

Resumen (pt)

O desenvolvimento cognitivo dos estudantes e a maneira de refletir sobre o ambiente escolar vivenciado por estudantes e professores representam aspectos importantes das concepções educacionais de Paulo Freire e Edgar Morin. Tais concepções convergem com as orientações Ciência, Tecnologia, Sociedade e Ambiente (CTSA), pois configuram o entendimento de mundo como espaço da existência humana, oportunizando a aproximação entre temas pertencentes ao cotidiano dos estudantes e o entorno das escolas, uma vez que o mundo problematizado no ambiente da sala de aula é o mesmo do seu contexto mais imediato. Considerando os pressupostos epistemológicos de Freire e Morin, este trabalho discute os indicadores socioeconômicos e da estrutura escolar que podem servir como suporte para a construção de uma proposta com orientação CTSA. A pesquisa é do tipo quati-qualitativa, e a coleta dos dados foi realizada na turma de Licenciatura em Química do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão – IFMA/Campus Codó, utilizando questionários no formato da escala Likert, partindo do reconhecimento dos aspectos da instituição, passando pelo professor e pela conjuntura familiar até alcançar o estudante. Os resultados demonstram que o gerenciamento da instituição já sinaliza para a superação de um paradigma estagnado, típico do cenário escolar brasileiro do século XX e que os fatores relativos ao desempenho dos estudantes na escola estão relacionados com o que acontece fora dela, como a sua situação socioeconômica. Assim, o conhecimento dos indicadores socioeconômicos e da estrutura escolar são fatores que justificam a implementação de uma proposta de ensino com o viés CTSA, tanto para a melhoria do processo de ensino e aprendizagem, quanto para formação de um cidadão capaz de se posicionar de forma crítica, reflexiva e argumentativa diante das situações vivenciadas no dia a dia da sociedade.

Resumen (en)

The cognitive development of students and the way to reflect on the school environment experienced by students and teachers represent important aspects of Paulo Freire and Edgar Morin's educational concepts. These conceptions converge with the Science, Technology, Society and Environment (STSE) orientations, as they configure the understanding of the world as a space of human existence, providing opportunities for the approximation between themes belonging to the daily lives of students and the surroundings of schools, since the world problematized in the classroom environment is the same in its most immediate context. Considering the epistemological presuppositions of Freire and Morin, this work discusses the socioeconomic and school structure indicators that can serve as support for the construction of a proposal with STSE orientation. The research is of a qualitative type and data collection was carried out in the Chemistry Degree class at XXXX, using questionnaires in the Likert scale, starting from the recognition of aspects of the institution, passing through the teacher and family situation until reaching the student. The results demonstrate that the institution's management already signals the overcoming of a stagnant paradigm, typical of the Brazilian school scenario in the 20th century and that the factors related to student performance in school are related to what happens outside it, as their socioeconomic situation. Thus, knowledge of socioeconomic indicators and school structure are factors that justify the implementation of a teaching proposal with STSE bias, both for the improvement of the teaching and learning process, and for the formation of a citizen capable of taking a critical, reflective, and argumentative position in face of the situations experienced in the daily lives of society.

Resumen (es)

The cognitive development of students and the way of reflecting on the school environment experienced by students and teachers represent important aspects of Paulo Freire and Edgar Morin's educational concepts. These conceptions converge with Science, Technology, Society, and Environment (STSE) orientations as they configure the understanding of the world as a space of human existence, providing opportunities for the approximation between themes belonging to the student's daily lives and the surroundings of schools since the world problematized in the classroom environment is the same in its most immediate context. Considering the epistemological presuppositions of Freire and Morin, this work discusses the socioeconomic and school structure indicators that can support the construction of a proposal with STSE orientation. The research quanti-qualitative type and data collection arose from a Chemistry Degree class at the Federal Institute of Education, Science and Technology of Maranhão – IFMA/Campus Codó, using questionnaires in Likert scale, starting from the recognition of aspects of the institution, passing through the teacher and family situation until reaching the student. Results demonstrate that the institution's management already signals the overcoming of a stagnant paradigm, typical of the Brazilian school scenario in the 20th century, and the factors related to student performance in school are related to what happens outside it, such as their socioeconomic situation. Thus, knowledge of socioeconomic indicators and school structure are factors that justify the implementation of a teaching proposal with STSE bias, both for the improvement of the teaching and learning processes and for the education of a citizen capable of taking a critical, reflective, and argumentative position facing situations experienced in the daily lives of society.

Biografía del autor/a

Severina Coelho da Silva Cantanhede, Universidade Federal do Maranhão - UFMA/Campus Codó

Graduado en Química de la Universidad Federal de Maranhão, Magíster en Química del Programa de Posgrado en Química de la Universidad Federal de São Carlos, PPGQ-UFSCar. Actualmente es estudiante de doctorado en el Programa de Doctorado en Educación Científica y Matemática (PPGECEM) de la Red Amazónica de Educación Científica y Matemática (REAMEC). Trabaja en el campo de la Enseñanza de la Química, con énfasis en Textos de Difusión Científica, Enfoque CTS / CTS-A y Métodos de Aprendizaje Cooperativo. Es profesora adjunta, bajo la dedicación exclusiva de la Licenciatura en Pedagogía de la Universidad Federal de Maranhão / Campus de Codó. Trabaja como coordinadora del Grupo de Investigación en Enseñanza de la Química de Maranhão del Instituto Federal de Educación, Ciencia y Tecnología de Maranhão / Campus Codó.

Ivanise Maria Rizzatti, Faculdades Cathedral de Ensino Superior, FACES, Brasil.

Licenciada en Química (2000) y Química Tecnológica (2000), Licenciada en Química (2002) por la Universidad Federal de Santa Catarina, Maestría (2002) y Doctorado (2007) en Química por la Universidad Federal de Santa Catarina. Profesor titular del Programa de Posgrado en Educación Científica y Matemática - Red Amazónica de Educación Científica y Matemática. Tiene experiencia en Química, trabajando principalmente en las siguientes materias: docencia química, espacios informales, divulgación científica, ferias científicas, educación ambiental, docencia química inclusiva, docencia científica, análisis de metales en agua y monitoreo de indicadores de calidad del agua. Asistente Coordinador de Programas Profesionales en el Área Docente de CAPES, administración 2018-2022.

Referencias

Astolfi, J. P., & Develay, M. (2014). A didática das ciências. Papirus Editora.

Auler, D., Dalmolin, A. M. T., & Fenalti, V. S. (2009). Abordagem Temática: natureza dos temas em Freire e no enfoque CTS. Alexandria: Revista de Educação em Ciência e Tecnologia, 2(1), 67-84.

Auler, D., & Delizoicov, D. (2006). Educação CTS: articulação entre pressupostos do educador Paulo Freire e referenciais ligados ao movimento CTS. In Las Relaciones CTS en la Educacíon Científica.

Auler, D., & Delizoicov, D. (2015). Investigação de temas CTS no contexto do pensamento latino-americano. Linhas Críticas, 21(45), 275-296.

https://doi.org/10.26512/lc.v21i45.4525

Batista, S. D., Souza, A. M., & Oliveira, J. M. da S. (2009). A evasão escolar no ensino médio: um estudo de caso. Revista Profissão Docente, 9(19), 70-94.

Behrens, M. (2012). Docência universitária no paradigma da complexidade: caminho para a visão transdisciplinar. In S. M. O. Magalhães & R. C. R. Souza (Eds.), Formação de Professores: elos da dimensão complexa e transdisciplinar (pp. 145-158). Editora da PUC Goiás.

Behrens, M. (2013). O paradigma emergente e a prática pedagógica (6a). Editora Vozes.

Brasil (2017). Base Nacional Comum Curricular. Brasília/DF: MEC/CONSED/UNDIME.

Brasil (2016). Resolução nº 510, de 07 de abril de 2016. Dispõe sobre as normas aplicáveis a pesquisas em Ciências Humanas e Sociais. Diário Oficial da República Federativa do Brasil, Brasília/DF.

Brasil (1996). Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Lei no 9.394/96.

Brasil (2020). Brasil no Pisa 2018. Brasília: Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira.

Castro, F. (2017). Escassez de laboratórios de ciências nas escolas brasileiras limita interesse dos alunos pela física. Revista Educação. v. 239.

Creswell, J. W. (2010). Projeto de Pesquisa: Métodos qualitativo, quantitativo e misto (3a). Editora: Artmed.

Costa, F. J. (2011). Mensuração e Desenvolvimento de Escalas: Aplicações em Administração. Ciência Moderna.

Endlich, E. (2015). Paradigma da complexidade: uma proposta de reconfiguração da docência. In Anais do EDUCERE - XII Congresso Nacional de Educação (pp. 35421-35432).

Freire, P. (2019). Educação como prática da liberdade (1ª). Paz & Terra.

Freire, P. (2018). Educação na cidade. Cortez.

Freire, P. (1982). Educação: o sonho possível (C. R. In: Brandão, Ed.). Edições Graal.

Freire, P. (2020a). Pedagogia do Oprimido (74th ed.). Paz e Terra.

Freire, P. (2020b). Pedagogia dos Sonhos Possíveis (4a). Paz & Terra.

Freitas, L. M.; Ghedin, E. (2015). Pesquisas sobre estado da arte em CTS: análise comparativa com a produção em periódicos nacionais. Alexandria: Revista de Educação em Ciência e Tecnologia, v. 8, n. 3, p. 3-25.

https://doi.org/10.5007/1982-5153.2015v8n3p3

Guimarães, C. A. F. (2020). Paulo Freire e Edgar Morin: saberes, paradigmas e educação. (1ª Ed). Curitiba: Appris.

IBGE (2020). Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (PNAD) 2020. https://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/livros/liv101736_informativo.pdf.

IBGE (2019). Pesquisa de orçamentos familiares 2017-2018: primeiros resultados / IBGE, Coordenação de Trabalho e Rendimento. IBGE. https://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/livros/liv101670.pdf.

Lacerda, I. P., & Valentini, F. (2018). Impact of student housing on academic performance and permanence at the university. Psicologia Escolar e Educacional, 22(2), 413-423. https://doi.org/10.1590/2175-35392018022524.

https://doi.org/10.1590/2175-35392018022524

Lopes, A. C. (2002). Os Parâmetros curriculares nacionais para o ensino médio e a submissão ao mundo produtivo: o caso do conceito de contextualização. Educação & Sociedade, 23(80), 386-400. https://doi.org/10.1590/s0101-73302002008000019

https://doi.org/10.1590/S0101-73302002008000019

Lück, H. (2000). Perspectivas da Gestão Escolar e Implicações quanto à Formação de seus Gestores. Em Aberto, 17(71), 11-33.

Marcondes, M. E. R., Carno, M. P., Suart, R. C., Silva, E. L., Souza, F. L., Santos Jr, J. B., & Akahoshi, L. H. (2009). Investigações em Ensino de Ciências - V14(2), pp. 281-298, 2009. Investigações Em Ensino de Ciências, 14(2), 281-298.

Mezalira, S. M. (2007). A perspectiva da complexidade na compreensão da relação Ciência, Tecnologia e Sociedade (CTS) no ensino de Ciências Naturais. Revista Espaço Acadêmico.

Morin, E. (2003). A cabeça bem-feita: repensar a reforma, reformar o pensamento (8a). Bertrand Brasil.

Morin, E. (2011). Os sete saberes necessários à educação do futuro. Cortez.

Oliveira, S. (2015). Limites e Potencialidade do Enfoque CTS no Ensino de Química Utilizando a Temática Qualidade do Ar Interior. Universidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Exatas. Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e em Matemática.

Pedrosa, M. A. (2001). Integrando interrelaçoes CTS EM ensino de química: dificultades, desafios e propostas. Boletín das ciencias, v. 14, n. 48, p. 79-86.

Rocha, J. S., & Vasconcelos, T. C. (2016). Dificuldades de aprendizagem no ensino de química: algumas reflexões. In Anais Do XVIII Encontro Nacional de Ensino de Química (XVIII ENEQ).

Roso, C. C.; Auler, D. (2016). A Participação na Construção do Currículo: Práticas Educativas Vinculadas ao Movimento CTS. Ciência & Educação (Bauru). v. 22, n. 2, p. 371-389.

https://doi.org/10.1590/1516-731320160020007

Santos, W. L. P. (2008). Educação Científica Humanística em uma Perspectiva Freireana: Resgatando a Função do Ensino de CTS. Alexandria Revista de Educação Em Ciência e Tecnologia, 1(1), 109-131.

Valenti, L., & Almeida, F. P. (2005). Complexidade, Educação e Educação Ambiental. Revista Logos, 12(112-119).

Veloz, V. A., Alves, A. S., & Brito, M. A. A. (2018). Conhecimento Complexo e a Abordagem CTS: Contribuições para o Ensino de Química. In Anais do Congresso Nacional de Educação - CONEDU (Issue 1).

Zuin, V. G., & Freitas, D. (2007). A Utilização de Temas Controversos na Formação de Licenciandos numa Abordagem CTSA. Revista Ciência & Ensino, 1(2), 1-9.

Cómo citar

APA

Coelho da Silva Cantanhede, S. ., Rizzatti, I. M., y Cantanhede, L. B. (2022). Epistemologia de Paulo Freire e Edgar Morin como suporte para construção de uma proposta CTSA. Góndola, Enseñanza y Aprendizaje de las Ciencias, 18(1). https://doi.org/10.14483/23464712.18788

ACM

[1]
Coelho da Silva Cantanhede, S. , Rizzatti, I.M. y Cantanhede, L.B. 2022. Epistemologia de Paulo Freire e Edgar Morin como suporte para construção de uma proposta CTSA. Góndola, Enseñanza y Aprendizaje de las Ciencias. 18, 1 (dic. 2022). DOI:https://doi.org/10.14483/23464712.18788.

ACS

(1)
Coelho da Silva Cantanhede, S. .; Rizzatti, I. M.; Cantanhede, L. B. Epistemologia de Paulo Freire e Edgar Morin como suporte para construção de uma proposta CTSA. Góndola Enseñ. Aprendiz. Cienc. 2022, 18.

ABNT

COELHO DA SILVA CANTANHEDE, S. .; RIZZATTI, I. M.; CANTANHEDE, L. B. Epistemologia de Paulo Freire e Edgar Morin como suporte para construção de uma proposta CTSA. Góndola, Enseñanza y Aprendizaje de las Ciencias, [S. l.], v. 18, n. 1, 2022. DOI: 10.14483/23464712.18788. Disponível em: https://revistas.udistrital.edu.co/index.php/GDLA/article/view/18788. Acesso em: 31 ene. 2023.

Chicago

Coelho da Silva Cantanhede, Severina, Ivanise Maria Rizzatti, y Leonardo Baltazar Cantanhede. 2022. «Epistemologia de Paulo Freire e Edgar Morin como suporte para construção de uma proposta CTSA». Góndola, Enseñanza y Aprendizaje de las Ciencias 18 (1). https://doi.org/10.14483/23464712.18788.

Harvard

Coelho da Silva Cantanhede, S. ., Rizzatti, I. M. y Cantanhede, L. B. (2022) «Epistemologia de Paulo Freire e Edgar Morin como suporte para construção de uma proposta CTSA», Góndola, Enseñanza y Aprendizaje de las Ciencias, 18(1). doi: 10.14483/23464712.18788.

IEEE

[1]
S. . Coelho da Silva Cantanhede, I. M. Rizzatti, y L. B. Cantanhede, «Epistemologia de Paulo Freire e Edgar Morin como suporte para construção de uma proposta CTSA», Góndola Enseñ. Aprendiz. Cienc., vol. 18, n.º 1, dic. 2022.

MLA

Coelho da Silva Cantanhede, S. ., I. M. Rizzatti, y L. B. Cantanhede. «Epistemologia de Paulo Freire e Edgar Morin como suporte para construção de uma proposta CTSA». Góndola, Enseñanza y Aprendizaje de las Ciencias, vol. 18, n.º 1, diciembre de 2022, doi:10.14483/23464712.18788.

Turabian

Coelho da Silva Cantanhede, Severina, Ivanise Maria Rizzatti, y Leonardo Baltazar Cantanhede. «Epistemologia de Paulo Freire e Edgar Morin como suporte para construção de uma proposta CTSA». Góndola, Enseñanza y Aprendizaje de las Ciencias 18, no. 1 (diciembre 23, 2022). Accedido enero 31, 2023. https://revistas.udistrital.edu.co/index.php/GDLA/article/view/18788.

Vancouver

1.
Coelho da Silva Cantanhede S, Rizzatti IM, Cantanhede LB. Epistemologia de Paulo Freire e Edgar Morin como suporte para construção de uma proposta CTSA. Góndola Enseñ. Aprendiz. Cienc. [Internet]. 23 de diciembre de 2022 [citado 31 de enero de 2023];18(1). Disponible en: https://revistas.udistrital.edu.co/index.php/GDLA/article/view/18788

Descargar cita

Visitas

9

Dimensions


PlumX


Descargas

Los datos de descargas todavía no están disponibles.